segunda-feira, 22 de março de 2010

Walk Awhile in My Shoes – Ande um pouco com os meus sapatos – parte 19

Pensar sobre o futuro é normal para todos nós e, quanto mais informações pudermos disponibilizar, mais fácil será para todos.

“Sobre O FUTURO ”...”

... NA VISÃO DO EMPREGADO

Tive um sonho certa noite. Eu estava no banco traseiro de um carro. Você estava dirigindo. E nenhum de nós sabia para que raio de lugar o carro estava se dirigindo, ou se o ele ia continuar rodando. Aquele sonho de certa forma resume minha visão sobre “o futuro” aqui no trabalho.
Quase sempre, como um empregado, sinto que apenas faço parte da corrida. Com certeza, eu faço a minha parte, lavo os vidros, abasteço o tanque. Mas, de onde estou sentado, eu vejo que o volante está em suas mãos. Você pode até não saber mais do que eu a respeito de onde estamos mas, pelo menos, você está dirigindo; você está com a maior parte dos controles.
Como a maioria das pessoas, eu olho para frente com certo medo. Tenho medo da possibilidade de perder mais do que irei ganhar. Eu ainda terei um emprego ou serei capaz de encontrar outro, se as coisas mudarem por aqui? Serei capaz de manter ou melhorar o estilo de vida de que gosto? Haverá felicidade e saúde mais adiante? Serei capaz de lidar com as novas tecnologias e o contínuo aumento de demanda? O gerente tem informações que não estão me repassando? Muitas questões, pouquíssimas respostas...
Eu também olho para frente com muita esperança. Esperança de que meus medos sejam infundados, de que as coisas serão muito melhores do que são agora. Mas somente o tempo, um pouco de sorte e muito trabalho duro dirão realmente o que vai acontecer.
A coisa mais interessante em meu sonho é que você e eu estávamos no mesmo carro, viajando na mesma estrada. Em qualquer lugar que formos, iremos juntos
Dirija bem. E, de vez em quando, desça do carro e
ANDE UM POUCO COM OS MEUS SAPATOS.
Baseado no livro Walk Awhile in my Shoes, traduzido e adaptado com permissão exclusiva da Performance Systems Corporation para a Bahia Consult

Nenhum comentário:

Postar um comentário